9 Maneiras de Fazer o Controle Ecológico de Pragas na sua Horta

Queridos hortelões, hoje vamos falar sobre como manter as pragas “longe” da horta, de uma maneira orgânica. Falamos “longe” porque dificilmente você terá uma horta completamente sem pragas, se cultivá-la organicamente, porém, mesmo assim, ela poderá ser saudável. Até certo ponto, a planta se desenvolve bem com a presença de algumas pragas, pois elas possuem maneiras próprias de se defenderem, uma dessas maneiras é a produção de substâncias chamadas de metabólitos secundários (óleos essenciais), sem as quais não teríamos os nossos queridos temperos aromáticos. Então, as pragas, assim como outros fatores estressantes, são responsáveis por manterem a horta aromática? Sim!

Vamos às dicas:

1. Mantenha a diversidade

Plantas diferentes atraem pragas e doenças diferentes, ou seja, quando você tem plantas de diferentes espécies, principalmente de diferentes famílias, em um mesmo espaço dificilmente a praga se alastrará pela horta toda. Por exemplo, se você mantiver vários tipos de manjericões em um mesmo espaço e um deles apresentar larva minadora, em pouco tempo você verá vários deles com a praga.

©Denise Lindorfer

©Denise Lindorfer

2. Deixe os matos espontâneos

Os matos tem uma importância muito grande nos nossos jardins, pois eles acabam aumentando a diversidade local (como falamos acima) e acabam atraindo para si diversas pragas, deixando as outras plantas livres.  Os matos espontâneos podem ser muito mais atrativos/nutritivos para os insetos. Além disto, eles têm uma importância enorme para nossa alimentação, pois muitos são comestíveis, sendo classificados como Plantas Alimentícias não Convencionais (PANC).

Matos espontâneos ©Sabor de Fazenda

Matos espontâneos ©Sabor de Fazenda

3. Placas adesivas

Para espaços abertos é legal utilizar placas adesivas atrativas de insetos. Como funciona? As placas tem apenas coloração chamativa às pragas, geralmente nas cores amarela e azul, e uma cola em toda sua superfície. A coloração atrai o inseto e ele acaba colado na placa, não causando danos à horta. A cor amarela atrai mosca branca, pulgão, mosca minadora, cigarrinha, fungos gnat, mosca Ceratitis capitata e vaquinha e já a azul captura trips e mosca do estábulo.

Placa adesiva ©Sabor de Fazenda

Placa adesiva ©Sabor de Fazenda

4. Plante plantas repelentes e atrativas

Já falamos várias vezes por aqui sobre as plantas que repelem ou atraem pragas. As plantas repelentes, como a tagete, afastam estes visitantes indevidos da horta…mas porque eu teria uma planta que atraia pragas na minha horta?? Bom, este grupo de plantas acaba atraindo para si determinadas pragas, deixando as outras plantas livres. Por exemplo, a capuchinha atrai a lagarta, ou melhor, a borboleta que irá colocar os ovos, já a serralha é tipicamente infestada por pulgões.

Serralha com pulgões ©Sabor de Fazenda

Serralha com pulgões ©Sabor de Fazenda

5. Usufrua de suas ervas

Quando você poda suas plantas aromáticas você a fortalece. Por isto, planta da horta que não é utilizada acaba ficando sem sabor e aroma e tem menos ferramentas de defesa contra os insetos.

Hora da colheita ©Ze Gabriel

©Ze Gabriel

6. Fique atento à luminosidade

As plantas da horta requerem no mínimo de 4-5 horas de sol diário e direto, as puramente ornamentais são outra história. Sem a mínima demanda de sol a planta não fará fotossíntese suficiente e, como resultado, a planta irá enfraquecer, espigar e cairá sua produção de óleos essenciais (aroma, sabor e propriedades medicinais).

A exuberância do verão ©Divulgação/Sabor de Fazenda

©Sabor de Fazenda

7. Deixe o solo sempre saudável

É pelo solo que a planta retira os nutrientes necessários para seu desenvolvimento, ou seja, um solo ruim, com pragas, doenças, com desequilíbrio hídrico e de nutrientes, acarreta em uma planta fraca, sem força suficiente para produzir defesas as pragas e doenças. Por isto, maneire na rega (muitos acabam pesando demais na mão) e adube a cada 40 dias.

Manutenção do solo ©Sabor de Fazenda

©Sabor de Fazenda

8. Invista na parceria das plantas

O consórcio de plantas, conhecidas como plantas companheiras, pode ser assunto novo para muitos hortelões, porém ele simples e consiste em plantar juntas espécies que “se ajudam”, somam forças e crescem melhor, como cebolinha e couve e louro e alecrim. Com o tempo você notará o que vai bem ou não junto.

Louro e alecrim rasteiro ©Sabor de Fazenda

Louro e alecrim rasteiro ©Sabor de Fazenda

9. Quando sair do controle, use inseticidas/caldas naturais

Em último caso, quando tudo sair do controle, use inseticidas orgânicos. O óleo de nim é o mais indicado para diversas pragas. Mas, se você estiver no pique, faça seu próprio inseticida caseiro (calda), como de alho, pimenta e sabão, contra pulgões, cochonilhas, ácaros, trips e fungos. Para lagartas, até pulgões, a catação manual é uma boa alternativa.

 ©Sabor de Fazenda

Óleo de nim ©Sabor de Fazenda

Quer se aprofundar mais nestes temas? Selecionamos alguns posts já publicados que explicam melhor cada dica:

O que são plantas companheiras e antagônicas?

Matos espontâneos: relíquias em nosso jardim

Por que os temperos são cheirosos?

Qual a luminosidade ideal para a horta?

Como reconhecer se sua horta está com falta de sol: 3 sinais básicos

Hora da poda e colheita: cuidados necessários

Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo

Sobre Sabor de Fazenda

Somos um viveiro orgânico de ervas e temperos situado na Vila Maria, São Paulo. Oferecemos mais de 90 espécies de mudas de ervas e temperos orgânicos e uma série de atividades, como cursos para crianças e adultos, que se encantam ao aprender o valor e os benefícios de cada planta e a delícia de fazer seu próprio jardim de ervas.
Esse post foi publicado em agricultura ecológica, dicas simples, luminosidade, matos espontâneos, pragas e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

13 respostas para 9 Maneiras de Fazer o Controle Ecológico de Pragas na sua Horta

  1. alcimar garcez duarte disse:

    bom dia!! a ureia e prejudicial na horta de ortaliças e legumes? Quais as alternativas?

    • Olá, Alcimar. Tudo bom? A ureia orgânica (certificada) pode ser colocada na horta sim. A principal função dela é oferecer nitrogênio (formação de folhas), por isto o torta de mamona e de nim são boas substitutas. Abraços, Gabi

  2. jose bianchini pontes disse:

    Tenho uma pequena horta em casa plantei pimentão no copo plástico depois passei para um vaso maior e finalmente plantei no solo definitivo. Cresceram mas estão produzindo com formato de bolas ou seja umas bolinhas verdes e outras roxa. Poderiam me ajudar a saber o que esta ocorrendo? se é assim mesmo ou tem algo errado?

  3. Vitória disse:

    Meu tomateiro está com larva minadora e não sei o que fazer!! 😦

  4. Pedro Costa disse:

    Minha horta esta infestada com pequenas larvinhas brancas, principalmente na salsinha. Percebi que essas larvinhas brancas e algumas verdes se espalham pelos, folhas e a terra esta infestada. Estou espirrando diariamente uma solução de agua com vinagre, mas não parece estar ajudando muito. Estou preocupado! Esse tipo de praga pode matar as ervas? Devo preparar um inseticida natural? E as larvinhas na terra, como posso acabar com elas?

  5. Vânia de Souza disse:

    Olá as minhas alfaces e mostardas estão com as folhas cheias de furinhos o que pode ser?

  6. Pingback: Desvendando as Cochonilhas | Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda

  7. maria luisa disse:

    adoro seus posts. Tem me ajudado muito!

  8. Aziza Zayn disse:

    Uau dicas maravilhosas! Obrigada por comartilhar…estou querendo fazer um mini jardim aqui em casa mas ja estou pensando na trabalheira que dá..acho que não vai rolar!!! hahahhaha mas enfim assim que a facul terminar quem sabe da tempo de investir e deixar o ambiente por aqui mais saudável!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s